Voltar

Nova lei garante acompanhante à mulher em atendimentos

Aqui, seus direitos são sempre respeitados e você nunca está sozinha.

Desde 27 novembro de 2023, está em vigor a Lei 14.737/23, que assegura às mulheres o direito de terem companhia de pessoa maior de idade durante o período de atendimento em qualquer unidade de saúde, seja pública ou particular. O Hospital Dom Alvarenga comunica a todos que já segue a nova norma para garantir que todas as pacientes do sexo feminino tenham seus direitos respeitados em nossa instituição.

O que diz a lei

Conforme a nova lei, as mulheres têm direito de ter um acompanhante em consultas, exames ou procedimentos, mesmo que não tenha uma notificação prévia ou necessidade de sedação.

Caso a paciente necessite de sedação durante seu atendimento e ela não indique algum acompanhante, a instituição pode recomendar alguma pessoa para acompanhá-la, preferencialmente um profissional da saúde do sexo feminino.

O Hospital Dom Alvarenga está sempre atento a tudo que diz respeito ao direito da mulher e trabalha para que todas se sintam ainda mais seguras em nossa instituição.

Para ter acesso à lei na íntegra, clique aqui.

Publicado em: 26 de janeiro de 2024

Outras notícias

Dom Alvarenga alcança mais de meio ano sem casos de broncoaspiraçãoLeia mais

Nova parceria: Plan-AssisteLeia mais

Nova parceria: Geap SaúdeLeia mais